quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Não era pra ser assim...

Capítulo 02: O torpedo

Ao ver o nome de Scarllet na tela do celular, Gustavo sentiu-se invadido por um sentimento de confusão, era como se um mar de águas bem geladas o tivesse invadido por dentro, não conseguia pensar. De repente Gustavo levou um susto, sentiu um tapa no ombro dele, era seu amigo, Carlos, que passou correndo falando com ele...
- Ô Guto, quer tomar banho, vai no chuveiro, maluco...
Gustavo deu uma risada de leve, olhou de novo pra tela do celular enquanto entrava. Foi direto para seu quarto, sentou na cama e apertou o botão para ler a mensagem:

"Me encontre na Café Arte às 16:30."

Gustavo ficou atônito, pensativo. Por um longo período de tempo se manteve em silêncio, parado, olhando para o nada...
----------------------------------------------------

Clique aqui para ler todos os capítulos.

Nenhum comentário: